Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Contagem e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura Municipal de Contagem
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Flickr
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
FEV
03
03 FEV 2024
AGENDA CULTURAL
REGIONAL INDUSTRIAL
Conheça Contagem e sua gente: o premiado e reconhecido ator, Renato Novaes
enviar para um amigo
receba notícias

Um dos destaques na tela do cinema e da TV, Renato Novaes, é um daqueles personagens que, embora nascido em São Paulo, por questão do destino, teve em Contagem, um local de abrigo, amor, casamento e vivência. No bairro Amazonas, ele e sua família tiveram grandes experiências e, por lá, se deu o desenvolvimento do reconhecido ator, vencedor de três Prêmios Candango, o mais importante conferido no Festival de Brasília e o mais antigo festival de cinema brasileiro.

Morador da cidade dos 4 aos 38 anos, foi na cidade que ele se criou e construiu sua história pessoal e deu os primeiros passos no cinema. Amante das telas, desde cedo teve no aluguel de filmes junto ao irmão, André, uma diversão à parte. Segundo ele mesmo contou, o gosto em família se deu desde sempre, inclusive dos pais. “Quando meu irmão André inicia a sua vida como cineasta, isso trouxe um grande orgulho para a nossa família e, ali, pensei que, um dia, quem sabe, poderia atuar um pouco, fazer uma figuração”, contou ele. “Mas em 2013 ele me propõe atuar, não só eu, mas toda a nossa família, e ali nasceu o filme ‘Ela volta na quinta’, que foi a minha primeira experiência como ator”, disse ele, sempre destacando a trajetória do irmão e o orgulho que tem pela pessoa e pelo profissional que André se tornou.

Quis o destino que já na estreia Renato fosse premiado com o primeiro “Candango”. “Foi muito especial e significativo. A partir desse prêmio que eu tive a certeza que podia continuar a atuar, a fazer mais obras. O prêmio me trouxe muita confiança”. Até o momento, Renato já participou de 22 produções, entre longas e curtas, indicações e premiações. Junto a isso, também é professor de geografia. Perguntado como conciliar as duas práticas, ele brincou: “Não paro para pensar se estou dando conta, simplesmente eu continuo fazendo. O cinema veio antes da escola. Dar aula veio depois de atuar. Eu amo os meus dois ofícios e até o momento consigo conciliá-los, com muitas dificuldades, confesso, mas sigo conseguindo”.

Ao todo, Renato conquistou três prêmios Candangos de atuação, sendo melhor ator coadjuvante de longa-metragem, melhor ator de curta-metragem e melhor ator de longa-metragem. Fora isso, inúmeras indicações que o próprio Renato não sabe quantificar. Acompanhe o Instagram do ator aqui.

Relação com a Filmes de Plástico

“Sou eternamente grato à produtora. Se não fosse ela, não teria as chances que tive para atuar. A minha primeira oportunidade foi a convite do meu irmão, mas já fui dirigido, também, pelo Maurilio e Gabriel, ou seja, três diretores da produtora”, disse Renato. Ele destacou, ainda, a importância do produtor Thiago Macêdo. “Devo todos os ensinamentos e orientações para a minha carreira a ele. O Thiago é o responsável pela produção dos filmes e, na minha opinião, uma pessoa fundamental para o sucesso da Filmes de Plástico”.

Relação com Contagem

“Em Contagem cresci, me casei com uma moradora do bairro Nacional, a Carla Patrícia e tenho uma relação que, posso dizer, é de muito amor, um lugar que fiz meus amigos e onde sempre gostei de sair e me divertir. E confesso que há um carinho especial pelo Eldorado e Inconfidentes”, falou.

Sobre aas gravações que fez na cidade, Renato fala com alegria: “Perdi a conta de quantos filmes já gravei em Contagem, foram muitos. Acho que isso é um bom sinal. Levar o nome da cidade pra além dos limites do Estado é uma honra e me dá muito orgulho. Ver o Kleber Mendonça dizer que ‘Contagem pra ele é filme’ deixa todos nos muito felizes”. E deixou no ar uma situação:

“Não recebi, até o momento, um novo convite de filme ou peça teatral para ser feito em Contagem. Mas chegando, estou às ordens”.

Curiosidades

Renato afirmou que tem como maior ídolo sua mãe. “Por tudo que ela me ensinou, por tudo que ela era e continua sendo na minha vida”, disse sem titubear. Sobre parcerias em cena, destacou os atores Carlos Francisco, Bárbara Colen e Grace Passô.

Futuro

“Prefiro pensar minha vida imaginando como será meu próximo ano, quais meus próximos projetos. Pretendo continuar a atuar por muito tempo. Quero fazer mais filmes, trabalhar com alguns diretores e diretoras que admiro e continuar fazendo muitas amizades nesses processos”, finalizou.

Autor: jornalista João Cavalcanti \ Edição: Carol Cunha
Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia