Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Contagem e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura Municipal de Contagem
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Flickr
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
NOV
21
21 NOV 2023
COMANDO DA GUARDA CIVIL
DEFESA SOCIAL
SEGURANÇA PÚBLICA
Balanço mostra ações realizadas pela Guarda Civil para garantir mais proteção à população
enviar para um amigo
receba notícias

A Secretaria Municipal de Defesa Social (Seds) divulgou, recentemente, um balanço das principais ações que ocorreram ao longo deste ano. Dados relativos à segurança na cidade, operações contra a comercialização de remédios, ações efetivas nas Áreas de Preservação Permanente (APP’s) e ações de combate aos furtos de cabos de cobre foram destacados no levantamento.

O balanço foi apurado entre o dia 1 de janeiro e o dia 8 de novembro deste ano. Ao todo, foram mais de 2.800 operações de Defesa Social em Contagem. Os números mostram, por exemplo, que a Guarda Civil de Contagem (GCC) teve forte presença nas infrações contra o patrimônio público municipal, contabilizando 336 ações positivas. Referente à busca e salvamento, a corporação teve êxito em 159 operações. Também se destacou em palestras e treinamentos internos, totalizando 200 atividades.

Com o papel de polícia comunitária, a guarda também fez a proteção e a vigilância em diversos eventos promovidos pela Prefeitura na cidade, especialmente durante o mês de agosto, quando se comemora o aniversário de Contagem. 

Na avaliação da instituição, as festividades foram realizadas sem grandes intercorrências. A Comissão de Monitoramento da Violências em Eventos Esportivos e Culturais de Contagem (Comoveec), também foi primordial para que os eventos pudessem ser realizados, de forma pacífica e organizada. "Conseguimos alcançar as metas planejadas, seguindo as orientações estabelecidas aos organizadores dos eventos“, destacou a assessora da Comoveec, Patrícia Guimarães. 

Mais equipamentos

Nesse período, a GCC adquiriu mais 27 sparks (armas de choque), oriundas do Convênio Estadual celebrado entre o município de Contagem e a Secretaria Estadual de Justiça e Segurança Pública.

Força-tarefa no combate ao comércio ilegal de cabos de energia

A Prefeitura trabalha, também, para que a prática ilícita do roubo de venda de material público seja desmantelada na cidade. Com isso,  nasceu a “Operação Hefesto”, fase 1, 2 e 3, para combater vendas e compras de cabeamentos e hidrômetros furtados, além da interceptação na rua. 

Numa recente reunião feita pelo Grupo de Trabalho (GT) - que contou com as secretarias municipais de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, de Desenvolvimento Urbano e Habitação; secretarias Municipal e Estadual de Fazenda; Ministério Público, polícias Civil (PCMG) e Militar de Minas Gerais (PMMG) e outros órgãos - , foi destacado como positiva a ação nas ruas e galpões conhecidos como “ferros-velhos”, em vários pontos da cidade.

Num galpão, por exemplo, localizado na região Industrial, foi descoberto um sistema de engenharia de produção dos itens roubados que visava dificultar a identificação do material como sendo ilícito. Os cabos de energia e telefonia eram armazenados e cortados. Em seguida, eram triturados em uma máquina, com alto grau de sofisticação, que separa o cobre de alto valor comercial da capa de plástico. Por último, os elementos separados eram colocados em “bags” para revenda.

Mais de 20 toneladas desse material foram apreendidos e aproximadamente 5.200 metros cúbicos de cobre. Ao todo, foram 25 autuações em parcerias com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade e Fiscalização de Posturas, e quase 60 ocorrências realizadas diretamente pela guarda. 

As operações “Hefestos 1, 2 e 3” contaram com a Guarda Civil e Gerência de Inteligência em sete viaturas e 14 agentes; dez policiais militares; quatro policiais civis e outros agentes governamentais. Também foram apreendidas 12 placas de trânsito recuperadas e devolvidas à Transcon.

“A secretaria recebeu o GT para falarmos sobre o balanço de furtos de cabos no município. Trabalho esse que contou com a colaboração das inteligências da Guarda Civil e do 39° Batalhão de Polícia Militar. Podemos dizer que Contagem está no caminho certo em ser referência na ação de combate e informação integrada com instituições responsáveis em inibir tais práticas ilegais. Essa operação é fruto da articulação do GT”, destacou a secretária municipal de Defesa Social, Viviane França.

Para potencializar os trabalhos, desde o início de 2023, criou-se um Disque-Denúncia via WhatsApp para intensificar as medidas preventivas e as ações para redução dos casos. O número é o (31) 97306-4423 e registra, durante 24h, queixas anônimas por meio de relato e envio de áudios, imagens e vídeos.

Operação Tarja Preta

Uma operação integrada da Guarda Civil,  Vigilância Sanitária e  Polícia Civil também identificou farmácias nas regiões Sede e Riacho, onde ocorria a venda de medicamentos vencidos e sem receita médica.  A “Operação Tarja Preta”, que teve como objetivo fazer buscas e apreensões em quatro alvos na cidade, foi desencadeada a partir de denúncias da população.

Fiscalizações ao Meio Ambiente

Preocupada em fiscalizar e manter a ordem nas Áreas de Preservação Permanente (APP’s), a GCC, ao lado do Comitê de Fiscalização de Contagem (Comfisc), em parceria com outros órgãos, estiveram também na região Vargem das Flores, ao longo do ano, para combater o desmatamento, parcelamento e loteamento irregular, além da destruição de nascentes. Ao todo foram 18 ações visando à proteção ao Meio Ambiente, tendo também mais dez ocorrências nos cuidados com a fauna, flora e pesca na região.

Patrulha da Mulher 

A Patrulha de Proteção à Mulher, vinculada à Prefeitura de Contagem, foi criada por meio da portaria 078/2019 e, desde então, tem feito ações de reinventar e ressignificar a segurança pública dentro da cidade, proporcionando um maior conforto aos cidadãos. Seja numa esquina de bairro ou palestrando dentro de uma empresa, a patrulha quebrou barreiras ao longo dos poucos anos de existência.

Somente em 2023, aproximadamente mais de 100 empresas fizeram solicitações à GCC. Os temas debatidos foram: combate ao assédio sexual, moral e violência doméstica. “Trabalhar na Patrulha de Proteção à Mulher foi algo que me trouxe um crescimento pessoal e profissional muito grande. Poder ter a sensibilidade para ouvir e acolher mulheres que são vítimas de violência doméstica é muito gratificante, porque de alguma forma estamos contribuindo para que elas quebrem este ciclo ruim e possam recomeçar suas vidas”, salientou a agente da guarda, Benvinda Macedo.
Autor: jornalista Leonardo Melo / Edição Carol Cunha
Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia