Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de Contagem e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura Municipal de Contagem
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Flickr
TRANSPARÊNCIA
TRANSPARÊNCIA
TRANSPARÊNCIA
Secretarias / Departamentos
Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos
Avaliar Informação

APRESENTAÇÃO

A Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos tem por finalidade o planejamento, a execução, coordenação, o controle e avaliação das atividades relacionadas com a elaboração de projetos de engenharia, a execução e manutenção de obras viárias, predial, infraestrutura urbana, a prestação de serviços de limpeza urbana, saneamento, iluminação pública e manutenção de equipamentos públicos, com as competências definidas no art. 22 da Lei Complementar nº 247, de 29 de dezembro de 2017.
 

ATRIBUIÇÕES

Compete a Secretaria Municipal de Obras:

Compõem a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos as unidades vinculadas diretamente ao Secretário:

  •  Subsecretaria de Planejamento e Projetos
  • Subsecretaria de Obras
  • Subsecretaria de Manutenção
  • Subsecretaria de Serviços Urbanos


Compete a Subsecretaria de Planejamento e Projetos

I. Identificar demandas por programas e projetos de infraestrutura e edificações, prestando suporte gerencial e operacional para o desenvolvimento e execução;
II. Coordenar e validar a elaboração de projetos arquitetônicos e de engenharia referentes às obras a serem executadas pela SEMOBS, bem como seus orçamentos e cronogramas;
III. Manter atualizado o monitoramento dos empreendimentos executados pela Secretaria, prestando apoio gerencial às demais Subsecretarias;
IV. Auxiliar na implantação de iniciativas inovadoras e modernização de projetos;
V. Buscar melhorias e inovações constantes no que tange ao planejamento de serviços e obras e à política e à transferência de recursos para o desenvolvimento da infraestrutura municipal;
VI. Gerir o Fundo Municipal de Saneamento Básico; e
VII. Desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

A Subsecretaria de Planejamento e Projetos é composta por:

I. Superintendência de Planejamento; e
II. Superintendência de Projetos.

 

São competências da Superintendência de Planejamento:

I. Formular planos e programas para o desenvolvimento da infraestrutura do Município, observando as diretrizes governamentais, em articulação com órgãos da Administração Pública Municipal;
II. Receber, analisar, manifestar e notificar sobre a aprovação das documentações exigidas para fins de liberação de recursos relativos a contratos e convênios;
III. Monitorar a execução dos convênios, atentando-se à sua vigência;
IV. Desenvolver ações que propiciem a melhoria nos sistemas de gestão e acompanhamento dos convênios celebrados;
V. Receber, analisar e instruir eventuais demandas externas que envolvam as obras provenientes dos convênios vigentes com o município; e
VI. Desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

São competências da Superintendência de Planejamento:

I. Coordenar a realização de diagnósticos, estudos, projetos e orçamentos de obras de infraestrutura;
II. Promover a elaboração de estudos preliminares, anteprojetos e projetos executivos da drenagem urbana, do pavimento, saneamento e das obras de arte especiais do Município;
III. laborar ou coordenar a elaboração de projetos arquitetônicos e de engenharia referentes às obras a serem executadas pela Secretaria, bem como seus orçamentos e cronogramas;
IV. Realizar o monitoramento de ações técnicas de arquitetura, engenharia, geografia e geologia necessárias aos projetos, obras e serviços;
V. Acompanhar as etapas das obras públicas de convênios, conforme diretrizes definidas por resolução específica, zelando pelo cumprimento das determinações emanadas pelas normas de engenharia;
VI. Participar de vistorias técnicas e disponibilizar a documentação necessária ao monitoramento da execução orçamentária e física das obras; e
VII. Desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

Subsecretaria de Obras

Compete a Subsecretaria de Obras:

I. Compete planejar, coordenar e monitorar os investimentos em infraestrutura municipal;
II. Promover a articulação de programas e ações na infraestrutura de municípios vizinhos e de órgãos de outras esferas de governo que interfiram com os do Município, coordenar as atividades de execução de obras de infraestrutura urbana, urbanização e edificações, em colaboração com os demais órgãos da SEMOBS;
III. Participar, orientar e coordenar a execução de projetos especiais de dimensão regional, de natureza multissetorial, constantes de programa de governo ou inseridos no elenco de ações prioritárias para o desenvolvimento urbano do Município;
IV. Coordenar as atividades de celebração de convênios de transferência de recursos para a execução de obras públicas pelo município e aprovar os seus planos de trabalho;
V. Fornecer elementos e informações técnicas para embasar solicitação de recursos junto a órgãos externos;
VI. Validar, com base em relatórios produzidos por suas unidades subordinadas, os projetos e as obras realizados pelas concessionárias de serviços públicos que interfiram com as do Município e acompanhar sua execução;
VII. Monitorar a execução física das obras decorrentes de convênios; e
VIII. Supervisionar as atividades de suas unidades subordinadas e desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

À Subsecretaria de Obras é composta por:

I. Superintendência de Obras com as seguintes diretorias:

a) Diretoria de Obras de Arte e Drenagem;
b) Diretoria de Implantação Viária;
c) Diretoria de Obras Prediais;
d) Diretoria de Intervenções em Assentamentos.

 

São competências da Superintendência de Obras:

I. Viabilizar a execução de obras públicas, visando ao pleno funcionamento dos sistemas viário, de drenagem, de saneamento e das edificações e áreas públicas do Município;
II. Executar a fiscalização de obras públicas;
III. Colaborar na elaboração de estudos preliminares, anteprojetos e projetos executivos da drenagem urbana, do pavimento, saneamento e das obras de arte especiais do Município;
IV. Analisar e desenvolver projetos oriundos de estudos preliminares efetuados entre órgãos da municipalidade;
V. Apoiar os demais órgãos da Secretaria no controle e na fiscalização das normas urbanísticas, ambientais e de trânsito;
VI. Garantir que sejam disponibilizados projetos padrão para obras a serem executadas pelo município;
VII. Acompanhar a atualização das tabelas de preços para as obras públicas no Município;
VIII. Elaborar planilhas de quantidades e materiais e submeter a validação e precificação;
IX. Levantar e fornecer elementos e subsídios técnicos para a realização de licitações, delas participando por meio de análises das peças técnicas do processo;
X. Coordenar a articulação de programas e ações na infraestrutura de municípios vizinhos e de órgãos de outras esferas de governo que interfiram com os do Município;
XI. Avaliar a adequabilidade dos programas e projetos relativos à sua área de competência, aos padrões e requisitos técnicos definidos pela SEMOBS; e
XII. Orientar as atividades de suas diretorias subordinadas e desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

São atribuições da Diretoria de Obras de Arte e Drenagem:

I. Gerenciar as obras e serviços de manutenção da infraestrutura constituída em obras de arte, sistema de drenagem, dispositivos de contenção de encostas e taludes;
II. Gerenciar, elaborar e supervisionar os estudos de modelagem hidráulica do sistema de macrodrenagem do município;
III. Atualizar e validar a carta de inundações do Município de Contagem;
IV. Analisar os níveis de risco para diferentes áreas e a aplicação de medidas de gerenciamento em situações de risco de inundações; 
V. Gerenciar, elaborar e supervisionar estudos técnicos visando atualizar e instruir sobre os critérios de projetos de macro e micro drenagem do Município;
VI. Providenciar e supervisionar estudos técnicos visando à aplicação de tecnologias de drenagem urbana;
VII. Monitorar a qualidade da infraestrutura de drenagem e das contenções do solo; e
VIII. Desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

São atribuições da Diretoria de Implantação Viária:

I. Programar e fiscalizar a elaboração de projetos e estudos complementares de empreendimentos de infraestrutura viária;
II. Articular-se com outros órgãos da Administração Municipal para a elaboração de projetos e estudos complementares de empreendimentos de infraestrutura viária;
III. Estabelecer o controle físico-financeiro dos contratos de projetos e serviços de consultoria de infraestrutura viária;
IV. Elaborar termos de referência e solicitações de contratação para licitação de projetos viários;
V. Efetuar as medições de projetos e serviços executados, conforme normas e padrões, bem como sugerir a aplicação de multas e sanções aos executores inadimplentes;
VI. Promover o levantamento de quantitativos, conferir e elaborar as planilhas de atividades e serviços, especificações técnicas, termos de referência e solicitações de contratação dos projetos e serviços de consultoria de infraestrutura viária;
VII. Organizar a documentação dos contratos de projetos e serviços de consultoria em execução, a fim de manter o arquivo técnico atualizado; e
VIII. Desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

São atribuições da Diretoria de Obras Prediais:

I. Executar as atividades necessárias à realização direta ou à fiscalização de construção e ampliação de edificações e equipamentos públicos municipais, em colaboração com os demais órgãos da Administração Municipal;
II. Acompanhar, efetuar e solicitar o controle tecnológico de obras e dos materiais a serem utilizados nas obras de edificações;
III. Realizar a guarda, operação e manutenção de materiais, equipamentos e máquinas utilizadas na realização de obras e serviços de sua área de atuação;
IV. Fiscalizar o cumprimento das normas de segurança do trabalho e de trânsito;
V. Monitorar a qualidade das edificações e equipamentos públicos municipais; 
VI. Fiscalizar a execução de obras de edificação, acompanhar os cronogramas e prazos dos projetos contratados e elaborar as medições;
VII. Fornecer elementos para embasar solicitação de recursos junto a órgãos externos; e
VIII. Desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

À Diretoria de Intervenções em Assentamentos compete:

I. Atuar no planejamento de ações de manutenção em zonas de especial interesse social;
II. Executar ou promover a execução direta ou indireta de serviços e obras em assentamentos;
III. Promover a criação de instrumentos de controle e planejamento visando apurar e aperfeiçoar critérios necessários às priorizações das intervenções;
IV. Manter estreito contato com órgãos municipais, estaduais, federais que tenham interface com os serviços;
V. Operar o programa estrutural em áreas de risco em colaboração com outras Secretarias Municipais envolvidas;
VI. Executar plano de obras para as áreas de risco em articulação com os órgãos municipais envolvidos; e
VII. Desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.


Subsecretaria de Obras Manutenção

Subsecretário: Jaci Cota Teixeira

Endereço: 

Rua Trajano de Araújo Viana, 450 – Bairro: Cinco – CEP: 32010-090

Telefone: (31) 3391-9404

E-mail: adjunta.manutencao@contagem.mg.gov.br

Horário de Funcionamento: 8:00 às 17:00 horas

Atribuições

I. Supervisionar as atividades de manutenção dos próprios, vias e equipamentos urbanísticos em geral;
II. Monitorar a manutenção e restauração e reabilitação das obras rodoviárias, de obras de arte, edificações, correntes e complementares;
III. Promover e articular missões especiais para o atendimento do interesse público;
IV. Supervisionar a execução física das obras decorrentes de convênios, bem como a prestação de contas; e
V. Supervisionar as atividades de suas unidades subordinadas e desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

À Subsecretaria de Manutenção é composta por:

I. Superintendência de Manutenção com as seguintes diretorias:

a) Diretoria de Manutenção de Infraestrutura Urbana;
b) Diretoria de Manutenção Predial e de Equipamentos Urbanísticos.

 

São competências da Superintendência de Manutenção:

I. Coordenar a manutenção de próprios, vias e equipamentos urbanísticos em geral, em articulação com os demais órgãos municipais que atuam nestes equipamentos;
II. Gerir o desenvolvimento, por execução direta ou por meio de contratos, de serviços de manutenção e restauração das rodovias pavimentadas e não-pavimentadas;
III. Monitorar a execução física das obras decorrentes de convênios;
IV. Promover a gestão de contratos de manutenção, restauração e reabilitação das obras rodoviárias, de obras de arte, edificações, correntes e complementares;
V. Gerir a restauração e reabilitação de rodovias, por execução direta ou indireta;
VI. Gerir o atendimento às solicitações de serviços e manutenção de estradas vicinais no âmbito municipal;
VII. Promover o controle físico-financeiro das atividades de manutenção, restauração e reabilitação de obras rodoviárias, de arte especiais, edificações, correntes e complementares; e
VIII. Orientar e monitorar as atividades de suas diretorias e desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

São atribuições da Diretoria de Manutenção de Infraestrutura Urbana:

I. Executar, diretamente ou por meio de contratos, as atividades de manutenção da pavimentação viária municipal, de manutenção de obras de arte especiais e outros equipamentos da infraestrutura urbana;
II. Executar os serviços de terraplenagem, encascalhamento, aterro, corte, correção de erosão, pequenos serviços de construção sarjeta, meia-cana, muro de arrimo, meio-fio e recuperação de passeio danificado na execução de serviços da unidade;
III. Executar serviços de abertura e recuperação de estradas vicinais e caminhos de acesso a propriedades rurais;
IV. Executar as ações de conservação, manutenção e restauração de vias urbanas e áreas especiais a cargo da SEMOBS;
V. Proceder ao cadastramento e controle de obras de infraestrutura urbana;
VI. Elaborar e coordenar a medição e custeio de obras e serviços de infraestrutura de urbana;
VII. Promover a guarda e o controle da utilização dos veículos, máquinas e equipamentos sob sua responsabilidade;
VIII. Manter atualizado o cadastro de vias e estradas sob sua responsabilidade;
IX. Estabelecer o controle físico-financeiro, bem como o controle tecnológico dos materiais a serem utilizados nos serviços; e
X. Desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

São atribuições da Diretoria de Manutenção Predial e de Equipamentos Urbanísticos:

I. Gerenciar, programar, supervisionar e fiscalizar a execução do programa de conservação e manutenção de próprios;
II. Articular-se com outros órgãos da administração municipal para a elaboração de projetos e programas de manutenção de próprios;
III. Atuar e executar a manutenção de equipamentos urbanísticos;
IV. Estabelecer o controle físico-financeiro dos contratos, bem como o controle tecnológico dos materiais a serem utilizados nas obras;
V. Realizar análises juntamente com os engenheiros, dos projetos destinados a execução de obras de manutenção e reforma de prédios públicos e demais obras de sua responsabilidade;
VI. Efetuar as medições de serviços contratados, bem como sugerir multas e sanções aos executores inadimplentes, em conformidade com os editais;
VII. Gerenciar a execução do programa de manutenção de próprios municipais a cargo da secretaria, cuidando para sejam obedecidos os cronogramas e padrões de qualidade estabelecidos;
VIII. Gerenciar os contratos, convênios em sua área de atuação;
IX. Analisar juntamente com o engenheiro, as melhores técnicas construtivas, tendo como objetivo obter o melhor custo benefício;
X. Gerenciar o programa de monitoramento e qualidade das obras de lhe compete;
XI. Desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

Subsecretaria de Saneamento e Serviços Urbanos

Subsecretário: João Batista de Lima Filho

Endereço: 

Rua Trajano de Araújo Viana, 450 – Bairro: Cinco – CEP: 32010-090
 

Telefone: 0800 283 1225

E-mail: limpeza.urbana@contagem.mg.gov.br

Site: www.contagem.mg.gov.br/obras

Horário de Funcionamento: 8:00 às 17:00 horas

 

Atribuições:

I. Promover o gerenciamento e executar a coleta de resíduos sólidos, serviços complementares de limpeza pública e disposição dos resíduos sólidos urbanos, implementação e manutenção de equipamentos luminotécnicos, e manutenção física de parques, jardins e praças;
II. Promover e supervisionar a elaboração de estudos preliminares, anteprojetos e projetos executivos de iluminação pública;
III. Realizar a gestão pública e ambiental de resíduos sólidos do município por meio de sistema de gerenciamento integrado de coleta, limpeza e tratamento de resíduos;
IV. Monitorar a implementação da política de limpeza urbana no município;
V. Realizar a apropriação do custo dos serviços prestados e promover, justificadamente, a revisão periódica de suas tarifas e preços públicos, de forma a assegurar seu equilíbrio econômico-financeiro dos serviços prestados;
VI. Presidir o planejamento e as ações de limpeza urbana do município e manutenção de jardins e praças, em articulação com a Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável;
VII. Participar ou acompanhar ações, encontros, reuniões, eventos e outros relacionados a limpeza urbana nas esferas federal e estadual;
VIII. Fazer realizar ações de educação intersetorial de maneira a reduzir impactos gerados pelos descartes irregulares no município;
IX. Gerar dados estatísticos e de informação para suprir as demandas do Secretário; e
X. Gerir a atuação de suas unidades subordinadas e desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

A Subsecretaria de Serviços Urbanos tem a seguinte estrutura organizacional:

I. Superintendência de Limpeza Urbana, composta por:

d) Diretoria de Coleta de Resíduos;
e) Diretoria de Destinação Final de Resíduos;
f) Diretoria de Capina e Varrição;
II. Diretoria de Iluminação Pública.

 

São competências da Subsecretaria de Limpeza Urbana:

I. Executar a política municipal de gerenciamento de resíduos sólidos urbanos, observado o plano de resíduos sólidos e diretrizes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável - SEMAD;
II. Estabelecer diretrizes para a adequação e otimização dos serviços de coleta de resíduos sólidos;
III. Gerenciar os equipamentos e as atividades de destinação final dos resíduos sólidos;
IV. Coordenar as ações necessárias ao aprimoramento dos serviços de limpeza pública por meio da busca de novas tecnologias, equipamentos e materiais;
V. Promover a capacitação da equipe técnica de limpeza pública;
VI. Incentivar e coordenar a implantação de programas de valorização dos servidores e agentes da limpeza pública;
VII. Desenvolver parâmetros para composição e cálculo dos preços públicos relativos à prestação de serviços de limpeza urbana;
VIII. Cadastrar as atividades de limpeza urbana para subsídio ao planejamento;
IX. Cadastrar e manter atualizada a base de dados da distribuição e locação de equipamentos e instalações destinados à coleta de resíduos;
X. Gerenciar os dados e informações sobre os serviços de coleta de resíduos;
XI. Emitir indicadores de desempenho mensais das atividades de limpeza pública;
XII. Cadastrar os geradores de resíduos orgânicos e de resíduos sólidos especiais, quantificando a geração desses resíduos;
XIII. Consolidar as medições dos serviços executados e gerar os relatórios estatísticos e gerenciais; e
XIV. Orientar e supervisionar as atividades de suas unidades subordinadas e desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

São atribuições da Diretoria de Coleta de Resíduos:

I. Planejar e executar a coleta regular dos diferentes tipos de resíduos sólidos gerados no município exceto os separados através do sistema de coleta seletiva;
II. Executar a remoção, manual e mecanizada, de resíduos da construção, demolição e diversificados em vias, logradouros e áreas públicas, quando não for possível identificar o gerador;
III. Padronizar critérios de dimensionamento, atendimento e avaliação dos serviços de coleta de resíduos;
IV. Pesquisar e especificar equipamentos, veículos e materiais a serem utilizados nas atividades de coleta de resíduos;
V. Fiscalizar os serviços de coleta executados diariamente ou contratados, no que se refere ao cumprimento de programações, itinerários, horários e cláusulas contratuais;
VI. Executar o recolhimento de animais mortos de pequeno e grande porte;
VII. Requisitar e controlar os materiais, equipamentos e ferramentas de uso operacional;
VIII. Efetuar as medições das atividades executadas diretamente ou mediante contratação, para fins de elaboração de relatórios de acompanhamento, pagamento e controle;
IX. Supervisionar e controlar a implantação e operação de instalações de disposição final de acordo com projetos técnicos específicos;
X. Supervisionar as ações para monitoramento ambiental das unidades e sistemas de tratamento e disposição final;
XI. Aprovar as medições das atividades executadas diretamente ou mediante contratação, para fins de elaboração de relatórios de acompanhamento e pagamento e controle da produção de serviços de limpeza urbanas; e
XII. Desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

São atribuições da Diretoria de Destinação Final:

I. Coordena e executar atividades relacionadas à destinação final adequada dos resíduos sólidos urbanos;
II. Controlar a implantação e operação de instalações de disposição final de acordo com projetos técnicos específicos;
III. Atuar no monitoramento ambiental das unidades e sistemas de tratamento e disposição final de resíduos;
IV. Monitorar as atividades executadas por terceiros nos aterros municipais;
V. Deliberar sobre as medições das atividades executadas diretamente ou mediante contratação, para fins de elaboração de relatórios de acompanhamento e pagamento e controle da produção de serviços de limpeza urbana;
VI. Manter o funcionamento das estações de reciclagem de resíduos inertes e de outras unidades descentralizadas, destinadas ao recebimento e tratamento de resíduos recicláveis; e
VII. Desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

São atribuições da Diretoria de Capina e Varrição:

I. Executar, de forma direta ou por contratação, a capina manual ou mecanizada das vias, logradouros públicos e próprios municipais, incluindo a remoção dos resíduos proveniente dessas atividades;
II. Executar, de forma direta ou por contratação, os serviços complementares de roçada manual, mecanizada, multitarefas, capina química nos casos permitidos por leis, portarias e decretos;
III. Programar, controlar e fazer executar a limpeza das margens dos córregos e serviços de emergência de limpeza pública;
IV. Elaborar diagnóstico da capina e serviços complementares no município, visando subsidiar mudanças e implementação de novas técnicas e instrumentos para seu aprimoramento; 
V. Padronizar critérios de dimensionamento, atendimento e avaliação da capina e serviços complementares;
VI. Requisitar e controlar o uso dos materiais, equipamentos e ferramentas necessárias à execução dos serviços; 
VII. Pesquisar e especificar instalações, equipamentos, veículos e materiais a serem utilizados nas atividades de capina e serviços complementares;
VIII. Subsidiar a elaboração e adequação dos planos de capina e serviços complementares;
IX. Efetuar as medições das atividades executadas diretamente ou mediante contratação, para fins de elaboração de relatórios de acompanhamento, pagamento e controle;
X. Gerenciar os processos e pessoas destinadas a execução dos serviços da referida gerência;
XI. Controlar, supervisionar e executar a varrição manual ou mecanizada das vias, logradouros públicos, incluindo a remoção dos resíduos proveniente dessas atividades;
XII. Controlar, supervisionar e executar serviços complementares de varrição mecanizada, multitarefas, lavagem e desinfecção, limpeza de eventos públicos e particulares previstos em lei, nas vias e logradouros públicos;
XIII. Programar, controlar e executar serviços de emergência de limpeza pública;
XIV. Elaborar diagnóstico da varrição e serviços complementares no município, visando subsidiar mudanças e implementação de novas técnicas e instrumentos para seu aprimoramento;
XV. Padronizar critérios de dimensionamento, atendimento e avaliação da varrição e serviços complementares;
XVI. Pesquisar e especificar instalações, equipamentos, veículos e materiais a serem utilizados nas atividades de varrição e serviços complementares; e
XVII. Desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

 

A Diretoria de Iluminação Pública, vinculada diretamente ao Subsecretário de Serviços Urbanos, tem as seguintes atribuições:

I. Atuar na elaboração e execução dos programas de iluminação pública do Município;
II. Controlar e fiscalizar a instalação e o funcionamento de iluminação em vias e logradouros públicos;
III. Analisar e aprovar os contratos de fornecimento de energia elétrica firmados entre órgãos da administração direta e indireta do Município e a concessionária de energia;
IV. Supervisionar as ações de busca da eficiência energética para a iluminação pública e para o consumo no Município em geral;
V. Supervisionar o controle de receitas e despesas da Contribuição do Custeio de Iluminação Pública, bem como o consumo da energia elétrica de iluminação Pública;
VI. Realizar estudos, análises e programar ações de eficiência energética e inovações tecnológicas na área de iluminação pública municipal;
VII. Manter o arquivo técnico atualizado, com a documentação dos contratos de intervenções em execução e encerrados;
VIII. Gerenciar a elaboração de estudos complementares de empreendimentos de interfaces e de iluminação pública; e
IX. Desenvolver outras atividades destinadas à consecução de seus objetivos.

Subsecretaria de Administração e Finanças

Subsecretário: Luiz Gustavo Souza Moura

Subsecretaria de Projetos, Planejamento, Processos e Procedimentos

Subsecretário: Lúcio Antônio Espíndola de Sena

SECRETÁRIO
Rômulo Thomaz Perilli



ESTRUTURA ORGANIZACIONAL
Art. 2º Compõem a Secretaria Municipal de Obras e Serviços Urbanos as unidades vinculadas diretamente ao Secretário, a Subsecretaria de Planejamento e Projetos, a Subsecretaria de Obras, a Subsecretaria de Manutenção e a Subsecretaria de Serviços Urbanos, com suas respectivas superintendências e diretorias.
§ 1º Ao Secretário estão diretamente vinculados:
I - Gabinete do Secretário;
II - Assessoria de Gestão e Inovação; e
III - Superintendência de Operação Institucional, composta por:
a) Diretoria de Apoio Operacional; e
b) Diretoria de Licitação, Contratos e Parcerias.
§ 2º A Subsecretaria de Planejamento e Projetos tem a seguinte estrutura organizacional:
I - Superintendência de Planejamento; e
II - Superintendência de Projetos.
§ 3º À Subsecretaria de Obras composta por:
I - Superintendência de Obras com as seguintes diretorias:
a) Diretoria de Obras de Arte e Drenagem;
b) Diretoria de Implantação Viária;
c) Diretoria de Obras Prediais;
d) Diretoria de Intervenções em Assentamentos.
§ 4º À Subsecretaria de Manutenção é composta por
I - Superintendência de Manutenção com as seguintes diretorias:
a) Diretoria de Manutenção de Infraestrutura Urbana;
b) Diretoria de Manutenção Predial e de Equipamentos Urbanísticos.
§ 5º A Subsecretaria de Serviços Urbanos tem a seguinte estrutura organizacional:
I - Superintendência de Limpeza Urbana, composta por:
a) Diretoria de Coleta de Resíduos;
b) Diretoria de Destinação Final de Resíduos;
c) Diretoria de Capina e Varrição;
II - Diretoria de Iluminação Pública.

Serviços
Limpeza
TELEFONE
Capina e Roçada
Responsável: Limpeza Urbana A capina é realizada em vias e logradouros públicos retirando-se a vegetação "invasora" seja ela herbácea (gramíneas), arbustiva e/ou leguminosa, incluindo a raspagem de terra e barro e a varrição dos trechos capinados, inclusive calçadas e sarjetas. O corte é...
Aterro Sanitário Municipal
TELEFONE
Central de Tratamento de Resíduos Sólidos (Aterro Sanitário Municipal)
Responsável: Limpeza Urbana O aterro sanitário é um equipamento construído sob normas técnicas de engenharia e de acordo com a legislação ambiental, tendo como objetivo dispor adequadamente os resíduos sólidos com características domiciliares gerados no município. O aterro sanitário municipal é...
Outros
TELEFONE
Subsecretaria de Manutenção
Alvenaria (muros de divisa); Contenção de encostas; Contenções em concreto envelopado, em concreto armado e em gabião; Escavação manual e mecânica de valas; Execução de demolição de edificações em áreas desapropriadas ou proveniente de invasões; Execução de pequenas obras de drenagem de águas...
Outros
TELEFONE
Subsecretaria de Obras
Coordenar as atividades de celebração de convênios de transferência de recursos para a execução de obras públicas pelo município e aprovar os seus planos de trabalho; Compete planejar, coordenar e monitorar os investimentos em infraestrutura municipal;  Coordenar as atividades de execução de...
Outros
TELEFONE
Subsecretaria de Planejamento e Projetos
Acompanhar a evolução dos projetos, analisando os progressos alcançados, comparando os resultados obtidos em relação às metas iniciais; Planejar, organizar, elaborar e controlar projetos, realizando investigações, levantamentos técnicos e metodologia de execução; Controlar a qualidade dos...
Outros
TELEFONE
Subsecretaria de Serviços Urbanos
Atendimento ao cidadão quanto ao quesito limpeza urbana através do 0800 283 1225; Coleta de animais mortos em vias e Logradouros públicos; Coleta de pequenos volumes de resíduos em unidades de recebimento de pequenos volumes denominados de Ecopontos; Coleta de resíduos com característica...
Notícias
Segurança e...
25 MAI 2024 - 20H00
Gabinete da Prefeita
Obras e Serviços Urbanos
Regional Industrial
Segurança e mobilidade: comerciantes comemoram avanço do Programa “Asfalto Novo” no bairro São Mateus
Prefeitura atende...
24 MAI 2024 - 19H00
Gabinete da Prefeita
Obras e Serviços Urbanos
Regional Ressaca
Prefeitura atende demanda antiga da população e dá a largada para as obras de drenagem no bairro Novo Progresso
Mais mobilidade:...
24 MAI 2024 - 17H00
Gabinete da Prefeita
Obras e Serviços Urbanos
Regional Ressaca
Mais mobilidade: moradores e comerciantes aprovam asfalto novo na rua Mandarim, na região Ressaca
Alça de retorno do...
24 MAI 2024 - 13H55
Gabinete da Prefeita
Obras e Serviços Urbanos
Regional Ressaca
Transporte e Trânsito
Alça de retorno do parque Sarandi, na av. Severino Ballesteros, está na reta final de conclusão
Qualidade de vida:...
23 MAI 2024 - 19H00
Obras e Serviços Urbanos
Regional Nacional
Qualidade de vida: bairros do Nacional recebem serviços de capina, varrição e coleta de lixo
Intervenções para...
23 MAI 2024 - 15H00
Obras e Serviços Urbanos
Regional Riacho
Intervenções para evitar alagamentos e enchentes são realizadas alguns pontos da região Riacho
Com etapa de...
22 MAI 2024 - 16H18
Gabinete da Prefeita
Obras e Serviços Urbanos
Transporte e Trânsito
Com etapa de pavimentação intensificada, avenida Maracanã ganha forma e empolga os moradores
Contagem Mais...
22 MAI 2024 - 11H20
Obras e Serviços Urbanos
Regional Ressaca
Contagem Mais Limpa: Prefeitura intensifica serviços de capina na região Ressaca
Equipe da...
20 MAI 2024 - 17H19
Obras e Serviços Urbanos
Regional Riacho
Equipe da Prefeitura acompanha andamento das obras do “Asfalto Novo” na região Riacho
Obras de...
20 MAI 2024 - 17H00
Gabinete da Prefeita
Obras e Serviços Urbanos
Regional Eldorado
Obras de macrodrenagem da av. Pio XII, no bairro Água Branca, cada vez mais perto de serem concluídas
Carregar Mais Notícias
Arquivos
Arquivos Vinculados
Editais
Concorrência Eletrônica
ACESSO AO VIADUTO DA AVENIDA PIO XII NA INTERSEÇÃO COM RODOVIA BR-040 (TELEFÉRICO) BAIRRO MORADA NOVA, NO MUNICÍPIO DE CONTAGEM/MG.
Publicação: 17/04/2024 às 17h00
Realização: 13/05/2024 às 10h00
Situação: Aberto
Concorrência Pública
SERVIÇOS DE ENGENHARIA E ARQUITETURA CONSULTIVA, ASSESSORIA TÉCNICA, APOIO JURÍDICO, SOCIAL E ADMINISTRATIVO PARA PLANEJAMENTO, GERENCIAMENTO, ANÁLISE, ELABORAÇÃO E...
Publicação: 19/02/2024 às 17h00
Realização: 08/04/2024 às 10h00
Situação: Aberto
Concorrência Pública
INTERVENÇÕES EM ÁREAS DE RISCO E SERVIÇOS COMPLEMENTARES DE ENGENHARIA EM ÁREAS DE ESPECIAL INTERESSE SOCIAL, MUNICÍPIO DE CONTAGEM/MG
Publicação: 31/01/2024 às 17h00
Realização: 07/03/2024 às 10h00
Situação: Aberto
Pregão Eletrônico
SERVIÇOS DE MONITORAMENTO AMBIENTAL DO ATERRO SANITÁRIO DE CONTAGEM/MG; LOTE 2: MONITORAMENTO DE GASES E DA QUALIDADE DO AR
Publicação: 20/02/2024 às 17h00
Realização: 06/03/2024 às 10h00
Situação: Aberto
Concorrência Pública
CONSULTORIA ESPECIALIZADA DE ENGENHARIA PARA A ELABORAÇÃO DOS ESTUDOS E PROJETOS EXECUTIVOS PARA A IMPLANTAÇÃO DAS BACIAS DE DETENÇÃO DE CHEIAS (B7B E B7C)
Publicação: 28/12/2023 às 17h00
Realização: 27/02/2024 às 10h00
Situação: Aberto
Concorrência Pública
REFORMA E REQUALIFICAÇÃO DO PARQUE SARANDI, BAIRRO RESSACA, MUNICÍPIO DE CONTAGEM/MG.
Publicação: 29/12/2023 às 17h00
Realização: 20/02/2024 às 10h00
Situação: Aberto
Concorrência Pública
IMPLANTAÇÃO DE PRAÇA NA RUA DOS EMBOABAS, BAIRRO JARDIM BANDEIRANTES - PROGRAMA PEQUENAS INTERVENÇÕES DAS REGIONAIS ADMINISTRATIVAS, MUNICÍPIO DE CONTAGEM-MG.
Publicação: 29/12/2023 às 17h00
Realização: 19/02/2024 às 10h00
Situação: Aberto
Credenciamento
CREDENCIAMENTO 001 /2024 - SELEÇÃO DE EMPRESAS DO RAMO DA CONSTRUÇÃO CIVIL PARA ELABORAÇÃO DE PROJETOS DE ARQUITETURA E ENGENHARIA PARA APROVAÇÃO E POSTERIOR CONSTRUÇÃO...
Publicação: 15/01/2024 às 17h00
Realização: 16/02/2024 às 14h00
Situação: Adiado
Concorrência Pública
RECUPERAÇÃO E MELHORIAS EM BECOS E ESCADARIAS – PROGRAMA DE INTERVENÇÕES INDICADAS PELOS CONSELHOS REGIONAIS NAS REGIONAIS ADMINISTRATIVAS DO MUNICÍPIO DE...
Publicação: 29/12/2023 às 17h00
Realização: 16/02/2024 às 10h00
Situação: Aberto
Concorrência Pública
RECUPERAÇÃO E MELHORIA DA INFRAESTRUTURA URBANA DE PRAÇAS E DE ÁREAS DE LAZER - PROGRA-MA PEQUENAS INTERVENÇÕES DAS REGIONAIS ADMINISTRATIVAS, MUNICÍPIO DE...
Publicação: 28/12/2023 às 17h00
Realização: 15/02/2024 às 10h00
Situação: Aberto
Seta
Versão do Sistema: 3.4.1 - 29/04/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia